Casos de SucessoPeneiras

Na mina Cauê, da Vale, localizada em Itabira (MG), era utilizada a graxa de complexo de lítio MRLX-2 e realizada quinzenalmente a relubrificação das bolsas da peneira 21PE031906. Hoje, a relubrificação é feita a cada quatro meses.

Em caráter de teste, no período de 23 de junho a 23 de outubro de 2012, foi aplicada a graxa Matrix EP-1. Entre os parâmetros medidos no teste foram verificados a temperatura (nível global) e a tendência em aceleração (defeito do rolamento).

Foram identificados benefícios como redução na quantidade de lubrificante utilizado; redução de estoque de lubrificante; menor descarte de resíduos; menor exposição de todos envolvidos no processo, consequentemente redução de acidente de trabalho e preservação da saúde (ergonomia, inalação de poeira, entre outros); aumento dos intervalos de relubrificação e redução da mão de obra utilizada para lubrificação; aumento da vida útil das peças de reposição (maior intervalo de troca da bolsa da peneira) e aumento da disponibilidade mecânica do equipamento e aumento do grau de confiabilidade, uma vez que as paradas tanto para relubrificação como para reparos foram reduzidas.

Deseja realizar umOrçamento?

Preencha o formulário e em breve nossos consultores entrarão em contato!

Solicitar Orçamento